João Appleton

Manuel Joaquim Reis Campos

Engenheiro Civil pelo Instituto Superior Técnico (1971). Especialista e Investigador Coordenador pelo LNEC, Conselheiro do Conselho Superior de Obras Públicas e Transportes (aposentado). Assistente e Professor Convidado do IST entre 1971 e 1997 e Professor Catedrático Convidado da Universidade de Évora entre 1992 e 2007 e da Universidade Católica Portuguesa entre 2007 e 2013. Sócio e Diretor Técnico de A2P Consult, Estudos e Projectos, Lda.

Prémio Reabilitação Engenharia Tektónica em 2011 e Prémio de Carreira SIL Engenharia em 2014. Membro Conselheiro e Especialista em Estruturas da Ordem dos Engenheiros.

Autor de mais de 500 publicações técnicas, incluindo livros, relatórios, artigos, comunicações e palestras e projectista de numerosas obras novas e de conservação, restauro e reabilitação do património arquitectónico, monumental e habitacional


 

João Luis Correia Duque

Falcao de Campos

João Luis Correia Duque é Professor Catedrático no ISEG - Universidade Técnica de Lisboa. Licenciado em Organização e Gestão de Empresas pelo ISEG, Universidade Técnica de Lisboa, obteve o grau de doutor em 1994 pela Manchester Business School com a tese "The Meaning of Implied Volatility in Pricing Stock Options Traded in Options Markets", e em 2009 tomou posse como Presidente do ISEG, sucedendo a António Mendonça, até 2012.

 

Para além das actividades académicas, João Duque também escreve a coluna Confusion de confusiones no Jornal Expresso, uma outra coluna para o Diário Económico, e foi um dos membros do painel permanente do programa Plano Inclinado no canal de televisão português SIC Notícias, canal onde permanece como comentador.

 


 

João Pedro Falcão de Campos

Falcao de CamposNasceu em Lisboa em 1961. Arquitecto pela Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica de Lisboa em 1984.
Em 1987 abre o seu próprio atelier. Colabora como atelier associado, com o arq. Álvaro Siza de 1993 a 2003 e com o arq. Gonçalo Byrne desde 1993.
Professor convidado no curso de Arquitectura do Instituto Superior Técnico, desde 2004.
Professor convidado no curso ETS de Arquitectura da Universidade de Navarra, Pamplona desde 2010.
Seleccionado com a Casa Saraiva Lima em Alcácer do Sal, para a fase final do Prémio Secil 2002 e para o Prémio Mies 2003.
Nomeação com a Casa Carlos Barros em Castro Marim para a V BIAU em 2006. 
Nomeado para o Prémio Mies 2007 e para o Prémio Secil 2007 e seleccionado para a VI BIAU 2008 com a Requalificação da Zona Envolvente ao Mosteiro de Alcobaça (co autoria com o arq. Byrne).
Finalista do Prémio FAD 2013 com a Remodelação da Sede do Banco de Portugal.
Vencedor do PNRU 2014 na categoria de Melhor Intervenção na Cidade de Lisboa com o Percurso Assistido da Baixa ao Castelo, em Lisboa e Menção de Melhor Intervenção de Restauro com a Sede do Banco de Portugal, em Lisboa.
Seleccionado para a IX BIAU em 2014 e vencedor do Prémio FAD 2014, com o Percurso Assistido da Baixa ao Castelo, em Lisboa.
Nomeado para o European Union Prize for Contemporary Architecture – Mies Van der Rohe 2015 com o Percurso Pedonal Assistido da Baixa Pombalina ao Castelo de S. Jorge e com a Remodelação Geral da Sede do Banco de Portugal.


Manuel Joaquim Reis Campos

Manuel Joaquim Reis CamposManuel Joaquim Reis Campos, reeleito Presidente da Direção da Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas – AICCOPN, para o triénio 2011/2013, natural de Lousado, Vila Nova de Famalicão, tem 64 anos e licenciou-se em Engenharia Civil pela FEUP. Entre outras empresas a que está ligado é Presidente do Conselho de Administração da SORI – Sociedade de Reabilitação de Imóveis, S.A..

Exerce atualmente os seguintes cargos: Presidente da Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário; Vice-Presidente da Federação Portuguesa da Indústria da Construção Civil e Obras Públicas; Vice-Presidente da Confederação Imobiliária de Língua Oficial Portuguesa; Presidente da Assembleia-Geral do Europarque; Presidente do Conselho Fiscal da Ordem dos Engenheiros – Região Norte; Vice-Presidente do Conselho da Construção do Noroeste Ibérico; Vice-Presidente do Conselho Superior Associativo da AEP; Membro do Conselho Económico e Social; Membro da Comissão Nacional da Avaliação de Prédios Urbanos; Membro do Conselho Consultivo do Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana; Membro do Conselho Consultivo do Instituto de Emprego e Formação Profissional.


 Nuno Valentim Lopes

Augusto Mateus

Nuno Valentim Lopes é licenciado em Arquitectura pela Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto (1995), Mestre em Reabilitação do Património Edificado pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (2007) e Doutor em Arquitectura (FAUP, 2016) com a tese "Projecto, Património Arquitectónico e Regulamentação Contemporânea – Sobre práticas de reabilitação no património corrente".Docente na FAUP desde 2005, foi regente da Unidade Curricular de “Construção I”. É “Membro Integrado” desde 2009 da Equipa de Investigação do Grupo “Património da Arquitectura, da Cidade e do Território” do Centro de Estudos de Arquitectura e Urbanismo da FAUP (FCT).

 

Entre os prémios com que já foi distinguido destacam-se em  Prémio nacional de reabilitação urbana (2016), com a obra de reabilitação da Casa Salabert – e-learning café da Universidade do Porto. Prémio João de Almada (2014) onde foi co-autor com Francisco Barata e José Luis Gomes (CEFA-UP) do Projecto de Reabilitação do Edifício de 1928 da Rua Alexandre Braga, autoria do Arq José Marques da Silva. Prémio Ibérico de Arquitectura (2013) ‘Palmarés Architecture Tecnhal’ na categoria de Reabilitação com a obra: “Centro Dehoniano - Projecto de Reabilitação e Ampliação de Edifício dos anos 30”. Pelo conjunto da obra do gabinete recebeu em 2011 a Menção “Highly Commended” dos Prémios “WAN 21 for 21” (21Arquitectos para o Século 21).